Quando eu passei no vestibular




Meus caros escudeiros e leitores. Eu demorei para postar mas estou trabalhando nisso e retribui em triplo.

Andei ouvindo minhas músicas do Engenheiros do Hawaii e outras bandas. Este grupo musical definiria tal post perfeitamente com a música “Era um Garoto que como eu”, uma recomendação que faço para todos.

Fui aprovado na UTFPR/ Cefet (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), PUCPR (Pontifícia Universidade Católica do Paraná) e Unibrasil. Hora de festejar!

Finalmente cheguei na universidade! Agradeço a torcida do povo nobre que me acompanha aqui, no msn ou em qualquer outra rede social. Este ano será diferente para mim, talvez inovador comparado com tudo o que havia visto. A universidade, para alguns, representa o momento mais radical do encerramento da sua imaturidade juvenil. Você pode “brincar”? Pode é claro, porém ai nós chamamos de crianção, safado/tarado, descolado e entre outros. Depende do que você vai aprontar fazer.

O engraçado é que você sempre acha que está maduro o suficiente e daqui há alguns meses se julga novamente, dizendo que antes era imaturo, no entanto agora é adulto. É um ciclo vicioso para alguns.

No final do ano passado e no começo deste, comemorei a aprovação de três universidades. Passei em Direito na PUCPR (Pontifícia Universidade Católica do Paraná). O lugar é ótimo! A foto está ai do lado. Com todo o respeito, mas é uma das universidades mais bonitas que já vi. O bom que todos os cursos se reúnem lá, tendo desde estudantes de jornalismo e direito, até de medicina e engenharia. Passei em outra muito boa também, a Unibrasil, universidade que me recebeu muito bem no dia do vestibular.

Até que neste ano faço outra conquista. Consegui passar em Matemática na UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), o antigo CEFET. Minha nota no Enem foi considerada boa e a minha de matemática dita como excelente o que foi de grande surpresa para meus pais e até para mim que sempre gostei de ciências humanas. Fiquei muito feliz em ter passado lá porque é uma universidade respeitada, tendo cursos concorridos e reconhecidos. Meu pai estudou lá, então considerei essa vitória ainda melhor.

Eu sinceramente não sei como é o trote da PUCPR ou da UTFPR. Dizem que as federais, que é no caso da UTFPR, apelam mais. Realmente não sei. Quando eu pisar na universidade, com certeza será declarado o fim simbólico dos tempos de rabiscos atrás do caderno.

Tenho muitos amigos e amigas que passarão por isto neste ano e digo uma coisa. Estude, saia e aproveite. Tudo isso vale a pena. Não é um post motivacional, seu colégio e/ou cursinho cuidará disso, aqui é apenas um comentário de alguém que passou por isso. Coragem e esforço aqui é valioso, além da calma. Bem, eu poderia falar muitas coisas e dar vários conselhos, mas acho que isso cada um deve fazer. Vários colegas meus passaram no vestibular em cursos concorridos e cada um teve um método diferente ou no máximo similar de estudo.

O Wind vai entrar para a universidade e estará torcendo por você. Obrigado pela torcida.

Comments

  1. tá ai um cara que tem futuro. Vai estudar na UTFPR? no cursinho você falava que pensava em dar aulas.

    parabéns

    ReplyDelete

Post a Comment